Feijão com Nutella
é tudo mentira!

O valor do credo

Mulher vai à Justiça para recuperar US$ 13,2 mil pagos a videntes

 

Uma mulher da Flórida abriu um processo num tribunal de pequenas causas para tentar recuperar US$ 13,2 mil que ela diz ter pago a um grupo de videntes (agora eles devolvem dinheiro por burrice?).


Eumanthe Dufrene, 54, alega que a quantia foi entregue para a Doris Palm & Card Reading, uma associação com profissionais que
fingem que lêem mãos e cartas para babacas que acreditam nisso e, principalmente, pagam caro para ser enganados. O anúncio desse grupo dá a garantia da devolução do dinheiro aos clientes insatisfeitos.


O valor seria referente à contratação de um serviço para “combater o mal” que não teria dado resultados
(“combater o mal” é bem genérico, não?), segundo a publicação local “Naples Daily News”.


Tiffany Johnson, sócia da empresa, diz que Dufrene só pagou sua empresa pela leitura de cartas. Ela afirmou ainda que Eumanthe se aborreceu porque queria uma maldição contra o homem que teria matado seu filho e não teve o pedido atendido
(mas ela não queria combater o mal? Ela tentou combater o mal com uma maldição? Não parece um pouco paradoxal?). A empresária diz ter sugerido que a cliente fosse para o Haiti, caso quisesse levar sua idéia adiante (hahahaha! E é isso? Fim? Muito bom! rs).

Anúncios

Nenhuma resposta to “O valor do credo”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: