Feijão com Nutella
é tudo mentira!

A cor da discórdia

Loira processa fábrica de tintura para cabelos por virar morena

 

Uma americana tentou processar uma fabricante de tintura para cabelo que teria “destruído sua vida social”. Segundo ela, um erro no empacotamento da tintura (deve ter sido uma loira que errou) fez com que o produto, que deveria deixá-la loira, a transformasse em uma morena (hahahahaha! E isso é o grande motivo da destruição da vida social dela? Depois tem gente que se ofende quando chamamos de loira fútil)

 

Charlotte Feeney disse que, após usar o produto, nunca mais conseguiu voltar ao tom naturalmente claro de seus cabelos (pergunta: se o tom era naturalmente claro, para que ela tingia o cabelo de loiro?). A experiência, afirma, a deixou tão traumatizada que ela precisou passar a tomar antidepressivos (ela deve ter se assustado ao ver o mundo como ele é… a ignorância às vezes é uma dádiva… uma loira consegue agüentar muito mais do que uma morena).


Além disso, ela afirma que passou a sofrer de dor de cabeça
(é que cabelos escuros absorvem a luz, causando um superaquecimento dos neurônios, o que causa dor de cabeça) por ansiedade. “Os homens não me davam mais a atenção normalmente dada às loiras bonitas e gostosas, e tive que ficar em casa e usar chapéu ou boné a maior parte do tempo (que drama!!!!!!!! Será que ela não percebeu que o problema é que ela é feia???? E o boné não devia ajudar na aparência)“, disse Charlotte.


Um juiz de instância superior encerrou o processo iniciado por Charlotte em 2005, alegando que ela jamais provou que a fabricante tenha colocado a tinta errada na embalagem. A empresa também contesta a acusação de Charlotte
, alegando que, na época em que comprou a tintura, a processante era loira, podendo ter se enganado facilmente e pego a caixa errada.

 

O FCN avisa: nem a Feijão (morena), nem a Nutella (loira), têm qualquer preconceito contra loiras ou morenas. Os comentários foram feitos de forma humorística, sem julgamento de valor.

Anúncios

Nenhuma resposta to “A cor da discórdia”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: